quinta-feira, 22 de junho de 2017

PINHÃO (a semente da Araucária)


Se você gosta de Festas Juninas, provavelmente já viu ou ouviu falar a respeito do PINHÃO. E aqui mais para o sul do Brasil, se existe um petisco com cara de Festa Junina este é o pinhão.

Digo “aqui” na região sudeste e sul porque, apesar das maravilhosas Festas Juninas do nordeste brasileiro, nunca ouvi falar (mas posso estar desinformada) que o pinhão seja consumido por lá, afinal aqui mais para o Sul é que estão os territórios mais frios e onde existem mais araucárias, e porque é bem nesta época do ano que as araucárias tem suas pinhas bem formadas e amadurecidas.

Ou seja, é nesta época que existe a “safra” do pinhão.

O pinhão nada mais é do que a semente da araucária, que se forma como uma bola chamada de pinha e que fica no alto da árvore. Quando está madura explode espalhando as sementes por vários metros de distância, ou é despregada da árvore por algum bicho que se alimenta de pinhão.
ARAUCÁRIAS no Jardim Botânico de Curitiba.

Quando cai, se espatifa no chão se abrindo e então os bichinhos retirem as sementes, comem e ainda as espalham facilitando a germinação e surgimento de novas árvores.

Algumas sementes não se desenvolvem ficando só casca, mas isso é fundamental para a planta caso contrário todas seriam mirradas e não serviriam para germinar, e muito menos para comer..haha.

Na foto abaixo você pode ver um pedaço da pinha já aberta.
Pedaços de uma pinha.              Semente formada e outras só casca. 

Observe como existem algumas sementes mais “gordinhas” intercaladas com outras que não se desenvolveram e ficaram somente na casca.

Li em algum lugar que não me recordo agora, que as pinhas levam até 4 anos para completar o ciclo de amadurecimento!!! Achei isso muito tempo para ter um “petisco” que comemos em poucas mordidas..haha.

Além de o pinhão poder ser consumido imediatamente após cozido, você também pode fazer uma conserva em vinagre ou no azeite, como eu ensino AQUI no blog na postagem PINHÃO CONSERVADO EM AZEITE E ERVAS. E também é possível preparar várias outras receitas doces e salgadas, como bolos e pães.

Um grande lamento para quem gosta de pinhão, é o fato de ele ser bem calórico.

Segundo o site da Embrapa, são em torno de 160 calorias para 100 gr de pinhão cozido (mais ou menos 10 unidades).

Mas esqueça um pouco as calorias, pois ele também tem muitos nutrientes fundamentais e se você gosta de pinhão, coma e seja feliz..haha.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer comentar? Escreva aqui.