sexta-feira, 12 de julho de 2013

SOPA DE FARINHA DE MILHO

Também conhecida em algumas regiões do Brasil, como “Maneco com jaleco”, ou “Maneco de jaleco”.

Lembro de minha mãe fazendo desta sopa nas noites mais frias e, geralmente nas de domingo, pois sempre foi daqueles dias que o almoço era tarde e pesado. Esta sopa, além de ser reconfortante para quem toma, é prática para quem prepara..rs...E depois de passar boas horas preparando o almoço, ninguém quer ficar mais algumas horas na cozinha em pleno domingo a noite, certo?..rs.

Já vi pessoas preparando de forma bem grossa, quase um mingau. Eu não gosto, e assim como minha família, preferimos mais rala, pois não pesa tanto.

Também já vi receitas onde os principais ingredientes são só a farinha de milho (sempre, é claro..rs) e a couve, mas adoramos com o ovo que cozinha na própria sopa. E é esta receita que escrevo aqui.

Na verdade, é uma receita sem quantidades exatas, portanto tentarei dar uma base para servir aproximadamente 5 pratos.


Ingredientes:

  • ½ cebola picada
  • 1 dente de alho amassado
  • 1 colher de óleo
  • 1 litro de água (mais ou menos)
  • 1 xícara de farinha de milho (mais ou menos)
  • 1 tablete de caldo
  • Sal
  • 5 folhas de couve rasgadas em “quadradinhos” mais ou menos de 4 X 4 cm (mais ou menos)
  • Ovos (1 para cada pessoa)


Modo de preparo:


Coloque em uma panela o óleo, e refogue a cebola e o alho até ficar dourado.

Coloque a água (que já pode estar quente), o caldo esfarelado, e deixe ferver.

Abaixe o fogo. Esfarele a farinha de milho nas mãos e vá “polvilhando” aos poucos, mexendo sempre. 

Pode ser que não seja utilizada toda farinha, assim como pode precisar de mais do que 1 xícara. Isso vai do gosto de cada um, por isso é recomendado colocar aos poucos, e mexendo sempre para não empelotar.

Acerte o sal.

Quebre os ovos um a um em um copo (para ver se não estão estragados e para facilitar colocar na panela) e coloque sempre um a um, distantes um do outro dentro da mistura fervente. 

Deixe ferver por uns três minutos, sem mexer para não quebrar os ovos e para cozinhar.


Quando estiverem cozidos, mexa e veja se há necessidade de colocar um pouco de água.

Desligue o fogo e só então coloque a couve rasgada, para que as mesmas fiquem crocantes, se você não gostar assim, deixe cozinhar até amolecer antes de servir.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer comentar? Escreva aqui.